terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Israel vai às urnas

Foto: Baz Ratner / Reuters (Portal Terra)
          Os israelenses terminam hoje as eleições legislativas que se iniciaram no último dia 19/01. A eleição antecipada deve manter o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu no poder, porém os resultados, que só sairão na manhã de quarta (23/01), devem mostrar um crescimento da oposição no país.
          Quem acompanha esta eleição de perto são os moradores do território palestino que não veem esperança de paz com Israel com a manutenção do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu. A eleição, além de eleger o primeiro-ministro e a formação do parlamento.

Adiantamento

          O mandato do primeiro-ministro é de quatro anos, mas o detentor do cargo pode determinar a realização de eleições antecipadas como ocorreu este ano – a eleição estava marcada inicialmente para outubro de 2013.            A dissolução ocorreu porque a coalizão do governo não conseguiu chegar a um acordo para o orçamento nacional. O projeto de orçamento 2013 preparado pelo ministro das Finanças, Youval Steinitz, previa severas medidas de austeridade, que praticamente não tinham chance de ser adotadas pelos diferentes partidos da maioria diante da aproximação das eleições, que seriam em 2013. Para continuar no poder, será essencial para Netanyahu conseguir votos para os partidos de sua coalizão – nenhum partido sozinho já conseguiu a maioria no Parlamento israelense. (G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário